Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Paraíba inaugura laboratório de tecnologia contra lavagem de dinheiro

General

Paraíba inaugura laboratório de tecnologia contra lavagem de dinheiro

Setor é coordenado pelo Ministério da Justiça por intermédio do Departamento Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional (DRCI)
por publicado: 10/02/2014 17h41 última modificação: 20/02/2014 11h00

Em solenidade realizada na manhã desta segunda-feira (10), no auditório do edifício-sede da Procuradoria Geral de Justiça (PGJ), em João Pessoa, o Ministério Público da Paraíba (MPPB) oficializou a implantação do Laboratório de Tecnologia Contra Lavagem de Dinheiro (LAB-LD), com a presença do coordenador da Rede Nacional de Laboratórios do Ministério da Justiça, Roberto Zaina.

A Rede, criada em 2006 por iniciativa da Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (Enccla), é coordenada pelo Ministério da Justiça por intermédio do Departamento Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional (DRCI), vinculado à Secretaria Nacional de Justiça.

O MJ é o responsável pela entrega dos equipamentos (softwares e hardwares), treinamento de pessoal no manuseio das ferramentas tecnológicas e capacitação em técnicas de análise.

Segundo Roberto Zaina, estão em funcionamento 20 laboratórios em todo o Brasil. Em abril, outros 15 serão inaugurados. Até o final do ano será um total de 43 laboratórios espalhados por todas as unidades da Federação. Em algumas unidades, há mais de um laboratório, como é o caso do Distrito Federal, com cinco, e São Paulo, com quatro.

“Estamos consolidando uma nova cultura investigativa no Brasil de não se contentar apenas com as prisões dos envolvidos com a lavagem de dinheiro. Temos que desarticular o criminoso e sua organização, recuperando o patrimônio e os ativos financeiros para o estado”, aponta o coordenador da rede de laboratórios.


Com informações do MP da PB

Agência MJ de Notícias
(61) 2025-3135/3315
imprensa@mj.gov.br
www.justica.gov.br