Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Depen suspende visitas no Sistema Penitenciário Federal por 30 dias

Destaque

Depen suspende visitas no Sistema Penitenciário Federal por 30 dias

Decisão foi tomada pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) após o assassinato de uma servidora no dia 25 de maio e também depois da deflagração da Operação Epístola, da Polícia Federal
por publicado: 30/05/2017 19h17 última modificação: 30/05/2017 19h21

Brasília, 30/5/17 – As visitas aos 561 presos que estão nas quatro penitenciárias federais (Campo Grande, Catanduvas, Mossoró e Porto Velho) estão suspensas por 30 dias. A decisão foi tomada pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), órgão vinculado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, após o assassinato de uma servidora no dia 25 de maio e a deflagração da Operação Epístola, realizada com o auxílio de servidores do Sistema Penitenciário Federal (SPF), na qual constatou-se que Luiz Fernando da Costa, conhecido com o Beira-Mar, se utilizava da visita íntima de outro preso para passar bilhete para fora do presídio e administrar uma rede de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro.

Nos últimos 8 meses, três servidores do SPF foram mortos com características de execução, como o caso do assassinato da Especialista Federal de Assistência à Execução Penal, Melissa de Almeida Araújo, que trabalhava como psicóloga em Catanduvas. O período de suspensão de visitas ocorre entre 29 de maio a 28 de junho. No Sistema Federal estão presos que desempenham função de liderança ou participação em organizações criminosas. 

Penitenciárias


ASSINATURAMJ_PORTAL_0803_PARTE BCA.JPGASSINATURAMJ_PORTAL_0803.jpgFACEBOOK_ICON_2103.jpgYOUTUBE_ICON_2103.jpgTWITTER_ICON_2103.jpgSOUNDCLOUD_ICON_2103.jpgINSTAGRAM_ICON_2103.jpgFLICKR_ICON_2103.jpg