Cerca de 3 mil atuam no plano operacional do MT para a Copa

publicado: 06/06/2014 18h20, última modificação: 06/06/2014 18h20

Brasília, 6/6/14 – Todo o trabalho da Segurança Pública para os jogos em Cuiabá foi apresentado nesta sexta-feira (6) pela Secretaria de Segurança Pública do Mato Grosso. A ação será integrada e realizada pelas polícias locais, equipes da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Força Nacional e tropas das Forças Armadas. No total, são mais de 3 mil homens e mulheres atuando em Cuiabá e na faixa de fronteira. A capital receberá quatro jogos na primeira fase da competição.    

São cerca de 1,7 mil profissionais da SSP do Mato Grosso e das Guardas Municipais e Secretaria Municipal de Transportes Urbanos (SMTU). O efetivo irá atuar nas áreas de interesse operacional da Segurança Pública, como Arena Pantanal, Fan Fest, aeroporto, rodoviária, setor hoteleiro, escolta, pontos turísticos, rodovias estaduais e federais e região de fronteira.

O planejamento e diretrizes de atuação da segurança de Mato Grosso para a Copa do Mundo foi norteado pelo governo federal, com o Plano Tático Integrado da Segurança e o Planejamento Estratégico de Segurança e Defesa para a Copa do Mundo, coordenados pelo Ministério da Justiça e Ministério da Defesa. 

“Nosso trabalho começou com o preparo de planos táticos e integrados entre a segurança pública, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Exército Brasileiro, Polícia Militar, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Força Nacional e demais parceiros. Promovemos a integração nas esferas de responsabilidades de cada instituição”, destacou o secretário de Segurança Pública do Mato Grosso, Alexandre Bustamante dos Santos.

Entre as ações estão o policiamento ostensivo nas rotas protocolares e principais vias de acesso às áreas de interesse, escolta, controle de trânsito, operações de combate ao roubo e furto de pessoas e veículos e ao comércio e uso de entorpecente, segurança contra incêndio e pânico, combate ao marketing de emboscada (quando se faz o uso proibido de marcas que patrocinam o evento), entre outras ações.

A exemplo das outras 11 sedes, Cuiabá recebeu vários equipamentos da Secretaria Extraordinária para Grandes Eventos do Ministério da Justiça (Sesge/MJ), como o Centro Integrado de Comando e Controle, Plataforma de Observação Elevada e o imageador aéreo, instalado em helicópteros. O investimento feito pelo Ministério da Justiça foi de R$ 60,6 milhões. 

Ministério da Justiça
Curta facebook.com/JusticaGovBr

www.justica.gov.br
imprensa@mj.gov.br

(61) 2025-3135/3315