Você está aqui: Página Inicial > Notícias > ALERTA DE RECALL: Veículos Citroen berlingo transformados em ambulância modelos 2017 e 2018

Destaque

ALERTA DE RECALL: Veículos Citroen berlingo transformados em ambulância modelos 2017 e 2018

por publicado: 19/07/2019 15h31 última modificação: 19/07/2019 15h32
São 107 automóveis que devem passar por reparo no Brasil

Brasília, 19/07/2019 - A Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) do Ministério da Justiça e Segurança Pública informa que a  Peugeot citroen do Brasil automóveis Ltda, protocolou Campanha de Chamamento dos veículos Citroen berlingo transformados em ambulância modelos 2017 e 2018 a 2018 para a  adição de duas presilhas para garantir a fixação entre a tubulação metálica do ar condicionado e a tubulação flexível do combustível.

De acordo com as informações prestadas pela empresa, a Campanha de Chamamento terá início em 25 de junho e abrangerá abrange 107 veículos, envolvidos no Brasil, conforme tabela abaixo.

 INFOGRAFICO_RECALL_CitroenberlingoI_19072019_Prancheta 1.png

Quanto aos riscos à saúde e à segurança apresentados, a empresa declarou que “a manifestação do defeito pode gerar riscos de incêndio, acidente com possibilidade de danos físicos e/ou materiais aos ocupantes dos veículos e/ou a terceiros, e em casos extremos o risco de morte dos mesmos, caso haja o possível contato entre a tubulação flexível de combustível e a tubulação metálica do ar condicionado, gerando ao longo prazo danos na tubulação de combustível, gerando a passibilidade de vazamento.”

Código do Consumidor

A Secretaria Nacional do Consumidor esclarece que o Código de Defesa do Consumidor determina que o fornecedor repare ou troque o produto defeituoso a qualquer momento e de forma gratuita. Se houver dificuldade, a recomendação é procurar um dos órgãos de proteção e defesa do consumidor.

Mais informações podem ser obtidas por meio do telefone 0800 011 8088 ou pelo site https://www.citroen.com.br. Detalhes sobre a Campanha de Chamamento também estão disponíveis no site do ministério da justiça http://portal.mj.gov.br/recall.