Você está aqui: Página Inicial > Sua Proteção > Tráfico de Pessoas > Redes de enfrentamento > Metodologia de Diagnóstico Local de Tráfico de Pessoas

Metodologia de Diagnóstico Local de Tráfico de Pessoas

por Almerindo.trindade publicado 30/07/2014 18h54, última modificação 02/12/2014 17h57

A Secretaria Nacional de Justiça, em parceria com o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, apresenta metodologia para realização de diagnóstico em nível local sobre tráfico de pessoas. 

O objetivo principal de um diagnóstico é de coletar, sistematizar e analisar dados e outras informações sobre as instituições envolvidas com a temática pesquisada. O tema tráfico de pessoas é delicado e dispõe de poucos dados quantitativos. As estatísticas são escassas devido a fatores como a subnotificação e a deficiência dos sistemas de registro dos dados.

Por isso, fazer um diagnóstico é ir além de uma pesquisa. É atuar como agente mobilizador, provocador de uma auto-avaliação no íntimo das instituições entrevistadas, e possivelmente provocador de mudanças de comportamento, estratégias, atitudes.

Tal metodologia poderá ser utilizada por aqueles que estejam interessados em realizar diagnóstico sobre tráfico de pessoas, mas é destinado principalmente aos parceiros integrantes da rede de atendimento às vítimas de tráfico de pessoas, quer sejam os Núcleos Estaduais de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas ou os Postos Avançados de Atendimento Humanizado ao Migrante ou outros parceiros integrantes da rede estadual ou municipal.


Metodologia de Diagnóstico Local de Tráfico de Pessoas