Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Portal Aberta, uma nova ferramenta de formação para aperfeiçoar a política sobre drogas

Destaque

Portal Aberta, uma nova ferramenta de formação para aperfeiçoar a política sobre drogas

por publicado: 10/05/2016 16h24 última modificação: 10/05/2016 16h24

Brasília, 10/05/16 - A Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas do Ministério da Justiça (Senad/MJ) lançou nesta terça-feira o site Aberta - Portal de Formação a Distância em Políticas Sobre Drogas. A página oferece acesso livre pela internet a conteúdos em diversas mídias no campo das políticas sobre drogas, voltados tanto a profissionais quanto à sociedade civil.

Os conteúdos englobam desde o contexto e epidemiologia do uso de drogas até diretrizes para o cuidado e inclusão social de pessoas com problemas decorrentes do consumo de entorpecentes, passando por programas de prevenção, legislação e muitos outros.

Esse novo canal de informação terá papel fundamental no aprofundamento do debate sobre drogas com base em evidências científicas e a partir da perspectiva de garantia dos direitos humanos, além de oferecer capacitação e formação para diversas áreas de atuação profissional. Link de acesso: http://www.aberta.senad.gov.br/

Inicialmente haverá uma primeira carga de conteúdo com módulos educativos organizados também em trilhas, modo dinâmico de condução do usuário ao conteúdo. Nos próximos meses, novos módulos serão acrescentados para cobrir uma grande diversidade de temas relacionados à política sobre drogas. As informações serão atualizadas sistematicamente.

A página deverá contar também com ferramentas de apoio pedagógico que permitam aos usuários acompanhar seu plano de formação e receber indicações de quais conteúdos aprofundar. Esse material e ferramentas podem ser utilizados livremente servindo de apoio a iniciativas de formação presencial no campo da política de drogas.

O projeto é uma parceria da Senad com a Universidade Federal de Santa Catarina e conta com a curadoria de um Comitê Científico Pedagógico composto por alguns dos mais destacados especialistas no tema no país.

Nome dos módulos em português:

"O sujeito, os contextos e a abordagem psicossocial"

"A história e os contextos socioculturais"

"Substâncias psicoativas e seus efeitos"

"Padrões de uso de drogas"

"Pesquisas sobre o consumo de drogas no Brasil"

"O cuidado ao usuário de drogas na perspectiva da atenção psicossocial" "Redução de danos no cuidado ao usuário de drogas"

 

Nome dos módulos em libras:

"A história e os contextos socioculturais do uso de drogas"

"O sujeito, os contextos e a abordagem psicossocial no uso de drogas"

"Classificação das substâncias psicoativas e seus efeitos"

"Padrões de uso de drogas" "epidemiologia do uso de drogas no Brasil"

"Usos e usuários de substâncias psicoativas: considerações bioéticas"

"O trabalho comunitário e a construção de redes de cuidado e proteção"

"Os instrumentos legais e as políticas sobre drogas no brasil"

"Intersetorialidade nas políticas públicas: compromisso de todos"

"Política nacional de saúde mental e a rede de atenção psicossocial no sistema único de saúde"

"Legislações e políticas para crianças e adolescentes"

"Promoção de saúde e prevenção dos problemas relacionados ao uso de drogas"

"O cuidado ao usuário na perspectiva da atenção psicossocial o cuidado"

 

Nomes das trilhas em libras:

"Sujeitos, contextos e drogas"

"Redes para promoção, prevenção, redução de danos e tratamento"

"Políticas públicas e legislação sobre drogas"

 

 Ministério da Justiça

facebook.com/JusticaGovBr
flickr.com/JusticaGovbr
www.justica.gov.br
imprensa@mj.gov.br

(61) 2025-3135/3315